Diagnóstico Organizacional: 10 Motivos para se fazer

Na medicina, o diagnóstico é definido como a identificação de um distúrbio, condição, doença ou problema, analisando sistematicamente a história ou antecedentes, examinando os sintomas e sinais, avaliando o teste ou os resultados da pesquisa e, em seguida, investigando as causas prováveis ​​ou presumidas.

O Diagnóstico Organizacional funciona um pouco como o diagnóstico médico de seres humanos: pode ser realizado depois que os sintomas surgiram ou como uma verificação de rotina para identificar problemas antes que eles saiam do controle. Como na medicina, a detecção precoce do problema ajuda a tornar o ‘tratamento’ menos dispendioso.

Dentro de um ambiente em rápida evolução, os padrões de demanda das partes interessadas evoluem rapidamente: clientes, parceiros, concorrentes e colaboradores exigem ações para novas prioridades. 10 motivos reclamam um Diagnóstico para o Negócio:

  • Compreender melhor o Desempenho do Negócio. O Diagnóstico ajuda os gestores a entenderem melhor a operação e o desempenho de sua organização. Antes de construir mais eficiência, precisamos entender o status atual.
  • Verificar a eficácia de estratégias e processos. Toda organização tem uma série de estratégia e processos para orientar as atividades. A única maneira de avaliar a eficácia deles é através de Diagnóstico. Com ele os executivos descobrem o que está funcionando e o que precisa ser ajustado ou removido completamente do sistema.
  • Identificar Forças e Fraquezas. O Diagnóstico deve apontar os pontos fracos e fortes da organização, e apoia na determinação de possíveis cursos de ação a serem adotados.
  • Identificar Ameaças. Toda empresa é confrontada com ameaças; elas podem ser externas ou internas. Seja qual for o caso, identificá-las antes que se transformem em sérios problemas é necessário para que haja o desempenho ideal da empresa.
  • Identificar e aproveitar Oportunidades. O Diagnóstico Organizacional ajudará a empresa a identificar novas oportunidades e deverá apontar a melhor maneira de aproveitá-las.
  • Desenvolver novas metas para o negócio. Depois de avaliar a situação atual, a organização poderá criar metas que ajudarão a crescer com sustentabilidade. Objetivos definidos após o Diagnóstico são mais viáveis ​​à medida que são formulados com o conhecimento das condições vigentes.
  • Identificar lacunas de habilidades em sua força de trabalho. O Diagnóstico é uma ferramenta que pode ser usada ​​para avaliar o potencial de seus funcionários, juntamente com as necessidades do negócio, contribuindo com o planejamento das atividades de treinamento e gerenciamento de carreira.
  • Identificar pontos forte e fracos da força de trabalho. A identificação dos pontos fortes e fracos da sua força de trabalho é importante para construir equipes preparadas que possam orientar a empresa para o sucesso. A partir das informações do Diagnóstico, pode-se criar equipes com membros que se complementam.
  • Ajudar a melhorar a motivação. O Diagnóstico ajudará a identificar o que motiva os colaboradores e a melhor forma de gerar um ciclo motivacional que crie um ambiente propício a desafios e conquistas.
  • Melhorar o engajamento dos colaboradores. O Diagnóstico deve fornecer uma ideia clara de quanto seus funcionários estão envolvidos. Cercar-se de pessoas certas, de energia positiva, ou de uma mentalidade saudável é bom, e é bom para os negócios.

O Diagnóstico é um processo de vários estágios que começa com a identificação de sintomas de mau desempenho e estabelece relações causais entre esses sintomas e o desempenho da empresa.

O processo consiste em quatro etapas: diagnóstico, prognóstico, tratamento e prática. O diagnóstico está associando desempenho insatisfatório dos processos com decisões gerenciais ruins. O prognóstico está ligando os erros de gestão aos objetivos de marketing.

O tratamento é uma decisão sobre como abordar o problema e corrigir o sintoma. A prática é sobre a escolha do tipo de intervenção: treinamento, consultoria, aconselhamento ou qualquer combinação dos três.

 

Converse com um Especialista. Agende uma visita.

Deixe uma resposta