O Ciclo da Inovação em 3 Dimensões

Uma empresa emergente (conhecida como “startup”) para cumprir todo o ciclo de vida (de lançamento até a maturidade) para atingir o sucesso, necessariamente deve passar por várias fases. As mais comentadas são: o “encaixe do problema com a solução” (problem/solution fit), o “encaixe do produto com o mercado” (product-market fit), o “encaixe ida-ao-mercado” (go-to-market fit), e, finalmente, a “escalagem do negócio” (scaling).

Ao longo do seu ciclo de vida, essa startup (ou qualquer empresa estabelecida que deseje inovar) pode hoje desfrutar de uma série de métodos, técnicas, processos e ferramentas que se consolidaram basicamente ao longo dos últimos dez anos. Esse instrumental faz parte do repertório de agentes que se conformaram ao redor do jovem empreendedorismo dos dias atuais, tais como universidades, instituições de pesquisa e desenvolvimento, incubadoras, aceleradoras, parques tecnológicos, investidores, escritórios de diversa natureza (advocacia, marketing, publicidade).

Chegamos à conclusão de que o termo “innovation spectrum” não seria o mais adequado para sintetizar a série. A noção de “ciclo” (que é dinâmica, uma vez que representa algo que começa, evolui, finda, e um novo ciclo emerge) seria mais adequada para retratar o espírito da série. E como a ideia central é apontar para três dimensões do ciclo de vida da empresa que inova, achamos por bem intitular a série como representativa de um modelo do “ciclo de inovação em três dimensões” (3D Innovation Cycle).

Veja o artigo completo aqui.

Por José Carlos Cavalcanti, consultor, sócio da Creativante Consultoria em Inovação, Professor da UFPe e parceiro da Business Mindset Consulting.

O que o ciclo da inovação pode fazer por sua empresa?

Converse com um Especialista. Agende uma visita aqui.

Deixe uma resposta